Receitas com História – Princesa Diana

    Receitas com História – Princesa Diana

     

    Lady-diana-101757_w1000_(cropped)Elegante na forma de estar e de ser, bonita com olhos de um azul profundo, a Princesa Diana conquistou o mundo com a sua simplicidade. Lady Di, assim era tratada por todos, era o nome perfeito. Di, um diminutivo carinhoso e Lady porque o era, de facto. Casou muito jovem com o Príncipe Carlos de Inglaterra, um evento transmitido em directo nas televisões de todo o mundo. Parecia um conto de fadas, saído de um livro de história.

    Foi mães de William e Harry, e foi também, desde o primeiro instante a Princesa do Povo. Furava protocolos, rompia barreiras elitistas, lutava por causas justas. Na sua curta vida, tornou-se um ícone nas mais variadas vertentes. Gostava de dançar, de cinema e de estar com os amigos. Mas a uma princesa é exigido mais do que se possa imaginar, o protocolo no Palácio de Buckingham sempre foi extremamente rigoroso. Porém, o seu sorriso tímido era contagiante e isso ajudava-a a ultrapassar barreiras. Os ingleses adoravam-na e o resto do mundo também. Apesar do luxo necessário em que viveu, os seus gostos eram simples em muitos níveis. A sua alimentação, por exemplo, refletia um pouco esse seu lado. O seu cozinheiro particular, Darren McGrady, servia-lhe quase sempre saladas e diversos tipos de soufflés. Comidas leves e equilibradas, ajudavam-na a manter a linha. Como todas as mulheres, tinha um fraquinho por doces, sobretudo dois a que não resistia, sorvete e pudim de pão. A Princesa de Gales sempre teve uma alimentação cuidada, excepto nos momentos mais conturbados em que os distúrbios alimentares quase a derrubaram. O que a não derrubou, tornou-a mais forte. A princesa do povo era, acima de tudo, uma mulher que gostava de gostar dos outros.

    Soufflé de peixe

    Souffle de Peixe TC-2 (Medium)50 minutos

    Fácil

    Económico

    4 PESSOAS

    INGREDIENTES:

    200 g de garoupa

    100 g de miolo camarão

    3 ovos

    1,5 dl de molho bechamel

    2 colheres (sopa) de queijo ralado

    2 colheres (sopa) de azeite

    Sal e pimenta q.b.

    Manteiga para untar

    PREPARAÇÃO

    Arranje a garoupa e corte-a em cubos pequenos. Leve uma frigideira ao lume com o azeite, deixe aquecer, junte os camarões e o peixe e deixe cozinhar até ganhar cor. Retire, deixe arrefecer, pique o peixe e os camarões muito finamente e deite numa tigela.

    Adicione o molho bechamel, o queijo ralado e as gemas, misture bem e tempere com sal e pimenta. À parte, bata as claras em castelo e envolva-as cuidadosamente na mistura.

    Unte tacinhas ou forminhas de louça com manteiga, verta-lhes o preparado anterior, sem encher demasiado e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 12 e 15 minutos. Retire e sirva de imediato e decorado a gosto.

    Sorvete de abacaxi e manjericão

    1 hora e 10 minutos + tempo de frio

    Fácil

    Económico

    4 PESSOAS

    INGREDIENTES:

    700 g de abacaxi

    250 g de açúcar

    1,2 dl de água

    1 ramo de manjericão

    PREPARAÇÃO

    Deite o açúcar para um tacho, junte a água, leve ao lume e deixe ferver até obter uma calda. Retire do lume.

    Descasque o abacaxi, rejeite-lhe a parte mais dura do meio, corte-o em cubos com cerca de 1,5 cm, adicione ao tacho com a calda e deixe repousar cerca de 1 hora. Junte depois as folhas de manjericão e triture muito bem com a varinha ou no liquidificador.

    Deite num recipiente e leve ao congelador até solidificar, retirando do congelador e mexendo com um garfo a cada hora. Depois sirva em bolas decoradas a gosto.