This is an undated photo of British author Virginia Woolf. (AP Photo)

Escrita gulosa

Inglesa, nascida numa família de classe média-alta, filha de um editor, sempre contactou com o universo literário. Apesar de só ter começado a falar aos três anos de idade, cedo descobriu o fascínio pelos livros. Assim é o retrato simplificado da complexa escritora Virginia Woolf. Toda a sua vida foi dedicada à literatura, fundou com o seu marido a editora Hogarth Press e revelou o famoso escritor T.S. Eliot. Depressiva e esquizofrénica, Virginia encontrava na comida um refúgio para colmatar as suas angústias. Se estava bem, comia, se estava mal, parava de comer. Sofreu de anorexia e a sua relação com a comida era bastante complicada. Chegou a convencer-se que ficava doente por ser gulosa, mas depois dizia que os chocolates a curavam. Uma mente conturbada, que habitou um mundo seu, muito próprio. Era doida por chocolate, maçãs e pão. Em criança, uma torta de ameixa fazia feliz.

O seu sucesso literário não a preenchia, sempre sentiu um vazio que não sabia explicar. Acabou por colocar termo à vida. Dias antes de se suicidar, escreveu uma frase que define bem o quanto gostava de comer: “Ter interesses é essencial. E agora, com toda a certeza, percebo que são 19 h e devo preparar o jantar, bacalhau e linguiças…”

Bacalhau fresco com bacon e ervilhasBacalhau fresco com ervilhas e bacon CHAA (Medium)

40 minutos

Fácil

Médio

2 PESSOAS

 

INGREDIENTES:

500 g de bacalhau fresco

400 g de ervilhas congeladas

70 g de bacon fresco

2 dentes de alho

2 colheres (sopa) de azeite

1,2 dl de natas

Sal e pimenta q.b.

PREPARAÇÃO:

Coza as ervilhas em água temperada com sal, deixe ferver durante 3 minutos, escorra-as, passe-as por água fria abundante e deixe escorrer. Num tacho, ferva as natas com os alhos descascados.

Reserve uma colher de ervilhas inteiras, adicione as restantes ao tacho, reduza a puré com a varinha e tempere com sal e pimenta. Salteie o bacon em pedacinhos numa frigideira, sem adicionar gordura, até ficar douradinho.

Corte o bacalhau e retire-lhe a espinha central de modo a separar os filetes. Leve uma frigideira ao lume brando com o azeite, deixe aquecer, adicione o bacalhau temperado com sal e pimenta e deixe alourar de ambos os lados. Coloque num pirex e leve ao forno pré-aquecido a 200ºC durante cerca de 4 minutos. Envolva o bacon e as ervilhas inteiras no puré de ervilha, coloque o bacalhau por cima e sirva decorado a gosto.

 

Mousse gelada de chocolate e passas em húmido de rum           

35 minutos + tempo de frio

Médio

Médio

4 PESSOAS

 

INGREDIENTES:

1 base de bolo a gosto de compra

200 g de chocolate em barra

100 g de manteiga

100 g de açúcar

30 g de passas

6 claras + 4 gemas

2 colheres (sopa) de rum

2 folhas de gelatina

PREPARAÇÃO:

Aqueça o rum sem deixar ferver, retire do lume, adicione as passas e deixe repousar um pouco. Parta o chocolate em pedaços, deite-os numa tigela, junte a manteiga e leve a derreter em banho-maria. Noutra tigela, misture o açúcar com as gemas, junte a mistura do chocolate e envolva bem.

Corte a base do bolo em rodelas com aros, deixe os aros com as rodelas de bolo a fazer a base e pincele o bolo com um pouco da calda de rum. Adicione o restante rum e as passas à mistura do chocolate e envolva. Demolhe as folhas de gelatina em água fria, escorra-as, leve-as a derreter no microondas sem deixar ferver e adicione ao preparado, em fio e mexendo.

Bata as claras em castelo bem firme e envolva-as na mistura anterior. Encha os aros com a base de bolo e leve ao frio até solidificar. Depois retire os aros e sirva decorado a gosto. Pode polvilhar com cacau em pó.